sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

ESTRUTURAS DE PEÕES II

A maioria dos planejamentos tem na estrutura de peões, o ponto de partida do jogo. Neste caso, um aspecto que deve ser observado é que peões debilitados tornam-se alvos fáceis e permitem um ataque por parte das peças adversárias, o que indubitavelmente, podem levar a uma vantagem e até proporcionar uma vitória.
Debilidades na estrutura de peões, como peões dobrados, isolados ou atrasados devem, sempre que possível, serem evitadas.
Diante de uma cadeia de peões, o que um enxadrista deve observar são dois elementos: a vulnerabilidade e a debilidade das casas adjacentes.
É importante, neste caso, que sigamos algumas regras básicas no posicionamento dos peões: Mantenha a estrutura de peões intacta; Mantenha a mobilidade dos peões ou conserve-os em dupla; Se algum peão ficar impedido, use outro para liberá-lo; Se tiver um peão isolado, mantenha sua mobilidade; se o adversário tiver um, bloqueie-o; Sempre que possível crie um peão passado e tente protegê-lo; Avance os peões passados; Ataque os peões passados do adversário; Evite dobrar seus peões, mas se não puder evitar, tente trocar um deles; Ataque a cadeia de peões na sua base.